Conheça nossos debatedores

Image








ANA PAULA PRATES

13/10 | 17h
Engenheira de Pesca, Mestre em Ciências da Engenharia Ambiental, Doutora em Ecologia e Pós-doutorado em Psicossociologia de Comunidades e Ecologia Social. É analista ambiental do Ministério do Meio Ambiente desde 1996 onde já ocupou o cargo de Gerente de Biodiversidade Aquática e Recursos Pesqueiros (2004-2010), Diretora de Áreas Protegidas (2011-2013) e Diretora de Conservação de Ecossistemas (2017-2018). Professora do Programa do Mestrado e Doutorado Profissional em Biodiversidade e Unidades de Conservação (Jardim Botanico do Rio de Janeiro - JBRJ) e Conselheira da Liga das Mulheres pelo Oceano.









ÂNGELA KUCZACH

13/10 | 17h
Bióloga, pela Universidade Federal do Paraná, diretora executiva da Rede Pro UC, membro do Conselho da Liga das Mulheres pelos Oceanos e eleita uma das 100 pessoas mais influentes do Brasil pela Revista Época. É também a idealizadora da Campanha Um Dia no Parque, realizada em parceria com a Coalizão Pro UC, que em 2019 foi considerado o maior evento de mobilização já realizado pelas unidades unidades de conservação do Brasil.









ÂNGELA PELIN

18/10 - 15h
Pesquisadora e Coordenadora de Projetos do IPÊ - Instituto de Pesquisas Ecológicas (Brasil) e Docente no curso de mestrado da ESCAS - Escola de Conservação Ambiental e Sustentabilidade. Bióloga, Especialista em Biologia da Conservação e Doutora em Ciências da Engenharia Ambiental, possui experiência no setor governamental e não governamental atuando em projetos relacionados à conservação da natureza, criação e gestão de áreas protegidas, públicas e privadas, nos biomas Mata Atlântica, Cerrado, Pantanal e Amazônia. Suas produções acadêmicas são principalmente voltadas aos temas: áreas protegidas, manejo de unidades de conservação e instrumentos de gestão ambiental. Mãe da Estelinha e amante da natureza.






BOSCO CARBOGNIN

15/10 - 17h
Mineiro de nascença Cearense por adoção Cidadão sem fronteiras.
Sou sociólogo por formação Filósofo por vocação Passarinheiro de paixão Ambientalista de coração.
O resto?!…Bem o resto é desimportante Porque…”o azul é muito importante na vida dos passarinhos Porque os passarinhos precisam antes de ser belos eternos. Eternos que nem uma fuga de Bach”. Meu inspirador o poeta pantaneiro Manoel de Barros.








GILVAN (GIL) PEREIRA

18/10 - 15h
(o Gil, como é chamado), é escalador e montanhista desde 2008. Faz parte do Programa de Voluntariado ICMBio desde 2015, com atuação em algumas Unidades de Conservação Federal. Trabalhou na área do turismo de aventura entre 2016 e 2017. Ocupa o cargo de diretor de meio ambiente na Federação Gaúcha de Montanhismo (FGM), desde 2017. Hoje, investe em capacitar-se ainda mais como educador ao ar livre, tendo a certificação "Leave No Trace Master Educator" (pela LNT.org) e é graduando em engenharia ambiental pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).








LARISSA MOURA

18/10 - 16h30
Analista ambiental do ICMBIO, ex-coordenadora de concessões e negócios e ex- coordenadora de uso público e negócios. Atualmente lotada na Floresta Nacional de Brasília unidade de conservação que possui a maior quilometragem de trilhas sinalizadas para mountainbike do país.








LÉO BASCHIROTTO

18/10 - 16h30
Condutor de Visitantes no Parque Nacional de São Joaquim e Parque Estadual da Serra Furada, concluindo a formação como Guia de Turismo Nacional. Morador da Serra Catarinense, foi justamente seu contato diário com os parques que despertou seu interesse pelo montanhismo e pela conservação ambiental.








LUCIANO LIMA

18/10 - 15h
Aos treze anos descobriu o verbo "passarinhar" e decidiu que "quando crescesse" queria ser ornitólogo, viver de passarinho. Hoje biólogo e Mestre em Zoologia, acumula experiência em projetos de pesquisa e trabalhos técnicos relacionados com as aves em todos os domínios naturais do Brasil, sendo também autor de artigos, livros e outros materiais sobre aves e biodiversidade brasileira em geral. É fundador e coordenador técnico de três observatórios de aves localizados em diferentes regiões da Mata Atlântica, além de consultor e produtor de conteúdo do Programa Terra da Gente, da EPTV, afiliada à Rede Globo. Co-criador do movimento #vempassarinhar, acredita que a observação de aves é uma poderosa ferramenta para fazer do mundo um lugar melhor para pessoas e passarinhos.






JEFERSON CAMARÃO STRAATMANN

14/10 - 17h
Doutor em engenharia de produção, especializou-se em redes territoriais de produtos da sociobiodiversidade. Trabalha na Amazônia desde 2005 com diagnósticos socioeconômicos, planos de manejo, gestão territorial, redes territoriais e cadeias de valor da sociobiodiversidade. No Instituto Socioambiental (ISA) trabalhou com os ribeirinhos e indígenas da região da Terra do Meio no Pará, sendo coordenador-adjunto do Programa Xingu. Atualmente é responsável por facilitar o apoio do ISA às comunidades tradicionais, ribeirinhas, indígenas e quilombolas para a construção de novas formas de relação com o mercado, que proporcionem transparência e inovação nas cadeias e agreguem o valor associado ao modo de vida, ao conhecimento tradicional, à gestão territorial e à origem dos produtos do Xingu, Rio Negro e do Vale do Ribeira.








JOERISSON FULTER

13/10 - 17h
Comunitário, professor de Ensino Fundamental na comunidade tradicional Português na UC de uso sustentável Flota de Faro - Pará, agente ambiental comunitário, colaborador e membro titular do conselho gestor consultivo da UC, e Membro da Associação de Moradores Tradicionais da Flota de Faro - #amoflota








MARIA ODILA

14/10 - 17h
Sou Maria Odila, Resido na Reserva Extrativista Tapajos/Arapiuns, sou agricultura familiar trabalho com Turismo de base comunitária, em Anã que é a minha comunidade.






MARIA PAULA


Atriz, escritora, psicanalista mestre em Desenvolvimento humano e saúde e Embaixadora da Paz








MAURO LÚCIO

16/10 - 17h
Pecuarista na Fazenda Marupiara, em Paragominas (PA) há 38 anos, sendo que, nos últimos 12 anos, executa uma pecuária produtiva com base em tecnologia e ciência. É referência em pecuária sustentável e representou a pecuária brasileira na Cúpula das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), além de ter recebido prêmios de sustentabilidade pela fazenda Marupiara, primeira fazenda-ouro no Programa Boas Práticas Agropecuárias (BPA), da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Seu projeto de pecuária na Amazônia já foi tema de reportagens em revistas e programas nacionais e internacionais. É vice-presidente da AcriPara. De fala simples e objetiva, conhece o modelo atual para a pecuária lucrativa e que irá conservar a biodiversidade.








NURIT BENSUSSAN

13/10 - 17h
Sou uma ex-humana, diante dos descalabros da nossa espécie desisti da humanidade, mas continuo bióloga. Enquanto isso, reflito sobre paisagens e culturas, formas de estar no mundo e as inspirações da natureza. Além disso, escrevo livros, faço jogos e aposto minha vida em usar a imaginação como alavanca pra sus








RAMIRO PASSOS

15/10 - 17h
Presidente da Preserve Muriqui, ONG que administra a RPPN Feliciano Miguel Abdala desde sua fundação em 2002, apoia projetos de pesquisa e produziu livros de preservação como o Faces na Floresta e Muriqui - Reis da Mata.








RAQUEL MACHADO

15/10 - 17h
Raquel Vieira Machado, médica dermatologista, Presidente do Instituto Raquel Machado, que tem como missão promover a proteção da fauna silvestre brasileira através do manejo responsável, acolhimento, reabilitação, reintrodução de animais na natureza, e educação ambiental para preservar nossas espécies e falar por aqueles que não tem voz. Tenho a RPPN do Saci na divisa com o Parque Nacional da Bodoquena e a RPPN Santuário em Bonito no MS.








MICHELE DECHOUM

18/10 - 15h

Bióloga, Mestre em Biologia Vegetal pela UNICAMP e Doutora em Ecologia pela UFSC. Docente do Departamento de Ecologia e Zoologia da Universidade Federal de Santa Catarina, colaboradora do Instituto Hórus de Desenvolvimento e Conservação Ambiental e membro da Coalizão Ciência e Sociedade. Há 10 anos coordena um programa de voluntariado desenvolvido no Parque Natural Municipal das Dunas da Lagoa da Conceição (Florianópolis, SC, Brasil). Adora fazer atividades ao ar livre, andar de bicicleta e viajar para áreas remotas. Tem como desafio pessoal fazer com que os resultados do grupo de pesquisa que coordena possam ser embasar políticas públicas e iniciativas de conservação ambiental.









PABLO CASELLA

18/10 - 15h
Biólogo e analista ambiental do ICMBio, lotado, desde 2002, no Parque Nacional da Chapada Diamantina - unidade de conservação consagrada por um voluntariado no combate a incêndios notável em âmbito nacional.








PAULO MOUTINHO

16/10 - 17h
Biólogo, doutor em Ecologia, trabalha na Amazônia há 25 anos estudando as causas do desmatamento na Amazônia e suas consequências sobre a biodiversidade, as mudanças climáticas e os habitantes da região. Foi co-fundador do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM), sendo Diretor por duas vezes e do qual é, atualmente, Cientista Sênior. Com dezenas de livros e artigos científicos publicados, Moutinho também participou ativamente no estabelecimento do Fundo Amazônia e da Política Nacional Brasileira de Mudanças Climáticas. É também associado ao Woodwell Climate Research Center, EUA.








PEDRO WICKBOLD

14/10 - 17h
Após passar um ano viajando pelo mundo, Pedro Wickbold retornou para a companhia da família acreditando no poder de atuação das empresas na construção de uma sociedade menos desigual. Com esta abordagem, deu visibilidade ao projeto Origens, que preza pela compra de castanhas-do-brasil diretamente das comunidades ribeirinhas, indígenas e quilombolas que moram nas regiões amazônicas, estabelecendo uma relação justa e sustentável com os povos tradicionais da floresta que resultou em mais de R$ 2 milhões nas mãos das famílias extrativistas nos últimos dois anos.








RENATA TERRA

18/10 - 15h
Diretora e roteirista. Atou em projetos de destaque como o longa metragem Piripkura. O filme foi vencedor de melhor documentário no Festival do Rio e do Prêmio Human Rights no IDFA, International Documentary Filmfestival Amsterdam. Dirigiu o curta Criança e Natureza para o Instituto Alana, foi roteirista de edição da série O Começo da Vida, sobre a importância dos primeiros anos da vida das crianças, dirigido por Estela Renner. Atuou também nas séries Tabu Brasil, A Verdade de Cada Um e Reino Animal - Diários de Lawrence Wahba, para o canal National Geographic. Idealizou a série Meu País, Nosso Mundo, sobre jovens ambientalistas na América Latina, produzido pela TAL – TV América.







ROBERTA BONALDO

17/10 - 16h
Bióloga, mestre em Ecologia e doutora em Biologia Marinha, com pós-doutorado na USP e no GA Tech. Publicou dois livros, 40 artigos científicos e mais de 30 matérias de divulgação. Desde 2016 trabalha na produção de documentários de natureza e vida selvagem, atuando como pesquisadora, produtora e câmera em produções do Brasil (Globo, Animal Planet Brasil) e do exterior (BBC, Netflix). É também apresentadora do Domingão Aventura, segmento do programa Domingão do Faustão, na TV Globo, e produtora da série Vida no Azul, em exibição no Animal Planet no Brasil e América Latina.






ROSA SÁ LEMOS

15/10 - 19h
Graduada em Manejo da Vida Silvestre pela Universidade de Wisconsin (EUA), mestrada em Ecologia pela Universidade de Brasília e doutorado em Conservação da Natureza pela Universidade da Flórida (EUA). Secretária-geral do Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (FUNBIO) desde janeiro de 2010. Com mais de 30 anos de experiência em conservação da biodiversidade e mudanças climáticas, ela participou de programas nacionais e internacionais para proteger a biodiversidade, reduzir o desmatamento e as emissões de CO2.







SÉRGIO RICARDO ESPADA

17/10 - 15h
Idealizador e produtor do Projeto Parques Nacionais é também montanhista, mergulhador, voluntário das Unidades de Conservação do Brasil. Possui formação em engenharia e administração. O Projeto Parques Nacionais tem o propósito de engajar e educar as pessoas nas causas da conservação e preservação dos Parques Nacionais e da áreas naturais protegidas do Brasil por meio da produção de conteúdos audiovisuais.








SUSY SIMONETTI

18/10 - 16h30
Bacharel em Turismo, mestrado e doutorado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia. Membro do Fórum de Turismo de Base Comunitária do Rio Negro (AM) e da Comunidade de Prática de Visitação em Áreas Protegidas. Professora adjunta do Curso de Bacharelado em Turismo e do Mestrado Interdisciplinar em Ciências Humanas - PPGICH, ambos da Universidade do Estado do Amazonas - UEA e do Mestrado Profissional em Gestão de Áreas Protegidas - MPGAP/INPA.








TATINHA

16/10 - 17h
Apanhadora de Flores Sempre-Vivas CODECEX








THAIS MAUAD

18/10 - 15h
Professora Associada do Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina da USP, trabalhando com Patologia Pulmonar e Ambiental. Participa, como atividade cidadã, do Movimento Boa Praça e dos Coletivos Vilas Beatriz, Ida e Jataí.






VITORIA DA RIVA CARVALHO

15/10 - 19h
É uma empreendedora conservacionista desde 1990, com atuação na Amazônia Mato-grossense, na região de Alta Floresta/MT. Em 1992 criou o Cristalino Lodge, para o desenvolvimento do ecoturismo e em 1997 a RPPN Cristalino – a primeira Reserva Particular do Patrimônio Natural, seguida de outras RPPNs na região, que somadas à áreas florestais ao longo do Rio Teles Pires, totalizam aproximadamente 7.000 hectares de áreas protegidas